Seguidores

*** NIJU KUN: 1- Não se esqueça que o Karate deve iniciar com saudação e terminar com saudação; 2- No Karate não existe atitude ofensiva; 3- O Karate é um assistente da justiça; 4- Conheça a si próprio antes de julgar os outros; 5- O espírito é mais importante do que a técnica; 6- Evitar o descontrole do equilíbrio mental; 7- Os infortúnios são causados pela negligência; 8- O Karate não se limita apenas à academia; 9- O aprendizado do Karate deve ser perseguido durante toda a vida; 10- O Karate dará frutos quando associado à vida cotidiana; 11- O Karate é como água quente. Se não receber calor constantemente torna-se água fria; 12- Não pense em vencer, pense em não ser vencido; 13- Mude de atitude conforme o adversário; 14- A luta depende do manejo dos pontos fracos (KYO) e fortes (JITSU); 15- Imagine que os membros de seus adversários são como espadas; 16- Para cada homem que sai do seu portão, existem milhões de adversários; 17- No início seus movimentos são artificiais, mas com a evolução tornam-se naturais; 18- A prática de fundamentos deve ser correta, porém na aplicação torna-se diferente; 19- Não se esqueça de aplicar corretamente: alta e baixa intensidade de força, expansão e contração corporal, técnicas lentas e rápidas; 20- Estudar, praticar e aperfeiçoar-se sempre."

DVDs de Karate-Do

VENDA DE DVDs

O Melhor da Net

Nihon Karate Kyokai Mão de Ferro Escola de Karate-Do do Brasil Karate Santamariense Mosteiro Zen Morro da Vargem Jutsko - Gustaaf Lefevre Junior Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem

Visualizações

Visitantes

Translate

CAMPEONATO BRASILEIRO - A Magnitude do Karate

Ao longo dos dias 12 a 15 de outubro, a Confederação Brasileira de Karate (CBK), entidade oficial de administração nacional desta arte marcial, formadora da Seleção Brasileira oficial, devidamente reconhecida pelo Ministério da Educação e Cultura (MEC), e vinculada aos Comitês Olímpicos Brasileiro (COB) e Internacional (COI), realizou a fase final do Campeonato Brasileiro de Karate 2016.
Cerimônia de Abertura - foto de Geraldo de Paula
Cerimônia de Abertura
Em destaque, a Seleção Estadual Fluminense de Karate

Prova inequívoca da magnitude do karate brasileiro foi que ao longo dos três dias do campeonato, entre as delegações, torcedores e familiares, um público de aproximadamente nove mil pessoas esteve presente nas dependências do Ginásio Poliesportivo Mauro Pinheiro, localizado no Ibirapuera em São Paulo, SP
Ginásio Mauro Pinheiro - foto de Geraldo de Paula
11 Tatames - foto de Geraldo de Paula

No certame, foram disputadas pelas classes Sub 8 (6/7 anos), Sub 10 (10/11 anos), Sub 12 (10/11 anos), Sub 14 (12/13 anos), Cadete (14/15 anos), Júnior (16/17 anos), Sub 21 (18/20 anos), Sênior (18 anos em diante) e Máster (32 anos em diante) as modalidades individuais e por equipes de kata (luta imaginária com formas pré-determinadas) e kumite (luta por pontos). A organização do certame ficou a cargo do staff da CBK e da Federação Paulista de Karate.
O Karate estará nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020

Exultantes com a confirmação do karate nos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 após o projeto do karate ser aprovado na 129ª Sessão do COI, num recórde de participação, quase dois mil atletas competiram, os quais representaram vinte e seis estados brasileiros, que conferiram ao evento uma significativa representatividade e proveitoso intercâmbio sócio-esportivo entre crianças, jovens, adultos e idosos competidores e seus familiares.















Diretor Técnico (esq.) e presidente (dir.) da CBK, Profs. William Cardoso e Luiz Carlos Cardoso em mar/2013 e em out/2016 com José Roberto Braga ao centro, realizado com a sólida parceria do Sistema Ronin e a CBK ao longo dos últimos 4 anos

As chaves de competição do evento foram coordenadas pelo dir. Técnico da CBK, Prof. William Cardoso, e gerenciadas pelSistema Ronin, que mais uma vez mostrou-se confiável, preciso e funcional. Enfim, sucesso de público e crítica graças a parceria entre o Prof. José Roberto Braga e o programador Carlos Henrique Quadros. 








Ana Maria Braga da AMK e José Roberto Braga em encontro com a bela Família Quadros de SP 

Com o propósito de contribuir com o evento e aprimorar habilidades e competências, o Prof. José Roberto Braga arbitrou na competição. Integrante de uma coesa equipe de trabalho no "tatame 9", também foi avaliado para que possa continuar a atuar na função no próximo ano. Para tal, também foi submetido a provas prática e teórica na véspera da competição e ao longo da temporada. Na Região dos Lagos do estado do Rio de Janeiro, onde está coordenador de Arbitragem, espera replicar as novas experiências obtidas. 

Chefe  do "Tatame 9", Prof. Walney Ávila da Bahia ao centro e demais árbitros

A Associação Maricaense de Karate-Do (AMK), tradicional escola desta arte marcial na Região dos Lagos do estado do Rio de Janeiro, obteve digna participação ao conquistar quatro medalhas em quatro possíveis com a atleta Kelly Fernandes, que é treinada no Centro Integrado de Educação Pública George Savalla Gomes (CIEP 513 - Palhaço Carequinha) por José Roberto Braga, Prof. de Ed. Física da unidade. A atleta pôde disputar seu primeiro Campeonato Brasileiro graças a ajuda e doações de amigos e da comunidade escolar, onde cursa o ensino médio.
Kelly Fernandes (faixa vermelha) perfilada com a Seleção Fluminense

Considerando-se o elevado nível técnico da competição, os resultados individuais da aluna participante, treinada no contra-turno junto a diversos outros escolares, foram considerados satisfatórios dado o caminho até aqui percorrido, pois a atleta Kelly Fernandes passou por processos seletivos estaduais - onde lidera o Ranking Estadual 2016 - e garantiu vaga na fase final em maio passado, quando disputou a fase classificatória do Campeonato Brasileiro no estado de Goiás.
Aos olhos de Jaime dos Reis, campeoníssimo Técnico da Seleção Fluminense, Kelly Fernandes executa seu kata

Kelly Fernandes executa seu kata na final do Campeonato Brasileiro Escolar

No CIEP 513 George Savalla Gomes - "Palhaço Carequinha", a AMK desenvolve voluntariamente o projeto "Educação da Vontade". Trata-se de um projeto de iniciação que tem por objetivos alavancar a capacidade de aprendizagem dos alunos da escola por meio da prática não só esportiva, mas também cultural, educacional e motivacional, além de promover a socialização dos escolares tendo como principal incremento a prática desta relevante ferramenta pedagógica: o karate-do, arte marcial que se fundamenta na educação da vontade e em apurado treinamento físico e mental. O CIEP 513 fica situado no bairro gonçalense de Maria Paula, na localidade Campo Novo, região de vulnerabilidade social do município da região metropolitana fluminense.
Atleta de Rondônia vs Kelly Fernandes (azul)
Atleta da Bahia vs Kelly Fernandes (azul)
Atleta da Bahia vs Kelly Fernandes (azul)

Acompanhe os resultados de Kelly Fernandes, aluna do CIEP George Savalla Gomes, e de todas as categorias do evento em www.sistemaronin.com

Modalidade kata (luta imaginária pré-determinada):
  • Kelly Fernandes - Júnior br/vd - 3º lugar
Kelly Fernandes (dir.) no pódio Júnior
Kelly Fernandes (dir.) em confraternização com as demais medalhistas

Modalidade kumite (luta por pontos):
  • Kelly Fernandes - Júnior br/vd - 3º lugar
Kelly Fernandes (de luvas devido a maratona de competições) no pódio Júnior

Simultaneamente ao Campeonato Brasileiro de Karate, a CBK realizou campeonatos brasileiros por segmentos:
  • Campeonato Brasileiro Universitário (em parceria com a CBDU)
  • Campeonato Brasileiro Escolar (em parceria com a CBDE)
  • Campeonato Brasileiro para Pessoas com Deficiência (PCD)
  • Campeonato Brasileiro por Estilos de Karate
No Campeonato Brasileiro Escolar, segmento que a atleta Kelly Fernandes tem maior experiência dado seu Bi Campeonato no Intercolegial, evento multi-esportivo promovido pelo jornal O Globo, a atleta saiu-se ainda melhor ao disputar duas finais e faturar mais duas importantes medalhas.

Modalidade kata (luta imaginária pré-determinada):
  • Kelly Fernandes - Júnior br/vd - Vice-Campeã
Kelly Fernandes (esq.) - Vice-Campeã Brasileira Escolar de Karate na modalidade kata
Kelly Fernandes (esq.) - Vice-Campeã Brasileira Escolar de Karate na modalidade kata

Modalidade kumite (luta por pontos):
  • Kelly Fernandes - Júnior br/vd - Campeã
Kelly Fernandes - Campeã Brasileira Escolar de Karate

Repercussão positiva na imprensa:
Próximo desafio da temporada:
Novembro
  • 27 - Campeonato Estadual de Karate - Fase Final - Duque de Caxias/RJ
Para desenvolverem ainda mais os seus potenciais, os alunos do CIEP 513 necessitam da doação de material esportivo como karate-gi ("kimonos") e protetores diversos, ainda que usados. Você pode conhecer mais sobre estes alunos-guerreiros e o projeto "Educação da Vontade" ao acessar o nosso site www.karateamk.com ou entrar em contato pelos e-mails ciep513@gmail.com ou joserobertoamk@gmail.com .
Prof. José Roberto Braga, atleta Kelly Fernandes e Ana Maria Braga da AMK

Citando o poeta Públio Virgílio Marão, autor da expressão latina "labor omnia vincit" (o trabalho a tudo vence), agradecemos a sinergia promovida por toda a equipe de professores, funcionários e direção do CIEP 513 George Savalla Gomes - Palhaço Carequinha, destacando-se a Orientadora Educacional Cláudia Silva e os diretores Rose Magalhães e Paulo Baptista, sem os quais esta missão não alcançaria o êxito obtido.

Como árvore sem raiz apodrece, oferecemos este resultado em gratidão e reconhecimento a Henrique Paixão Sensei, fundador da AMK e Mestre do Prof. José Roberto Braga, que por sua vez se empenha para desenvolver um trabalho de reconhecida qualidade graças aos ensinamentos obtidos ao longo dos últimos trinta anos de prática do karate-do.

José Roberto Braga
Prof° Ed. Física da Rede Estadual (CREF 031403-G/RJ), faixa preta 3° danReg. CBK 19.0003-3Reg. FKERJ P591 e diretor Técnico da AMK